Vereadores aprovam Moção de Pesar e falam da importância da saudosa educadora

CHIQUITA DO CARMODona “Chiquita do Carmo”, pessoa querida que deixou saudades   

Apesar de ter ocorrido no dia 27 de janeiro deste no, o falecimento da eterna educadora Francisca do Carmo Nepomuceno, dona “Chiquita do Carmo”, foi um dos assuntos em destaques na última sessão ordinária do mês em curso, da Câmara Municipal de Areia Branca, dia 15 passado. Por iniciativa do vereador José Nazareno de Lemos (PP) foi aprovado à unanimidade e subscrito por todos os pares da casa, uma Moção de Pesar aos familiares da saudosa professora aposentada, pela sua morte.

O autor da proposta, Nazareno Lemos, justificou o motivo de somente agora ter apresentado a matéria, devido o falecimento de dona “Chiquita do Carmo” ter ocorrido no período em que a Câmara estava em recesso e com o advento do Carnaval, o calendário de sessões só retomou ser curso normal a partir do dia 10 deste mês.

NAZARENO LEMOS VER Nazareno Lemos agradeceu aos colegas vereadores pela acolhida ao pedido de Moção de Pesar, principalmente o presidente da Casa, Aldo de Oliveira Dantas (PMDB), que destacou a importância de dona “Chiquita do Carmo” no contexto da educação municipal, bem como os exemplos de vida deixados pela saudosa professora.

Nazareno defende justa homenagem para educadora falecida

Na opinião do vereador Nazareno Lemos, Areia Branca deve uma justa homenagem a dona “Chiquita do Carmo”, que segundo ele, foi uma das mais importantes figuras no universo educacional do município. “Pessoas como dona “Chiquita do Carmo” merecem ser eternizadas entre nós”, concluiu.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *