Vereador defende kit escolar com camisa “à prova de mosquito” que mata até o Aedes aegypti

Vereador Antônio Batista atesta a eficácia do material (Foto: Reprodução)
O vereador Antônio Batista (PMDB), do município de Parnamirim,
na região metropolitana de Natal, ganhou os holofotes (e as redes sociais) ao
defender o uso de um kit educativo adquirido pela prefeitura daquela cidade. O
material – formado por camiseta e livro – custou R$ 800 mil aos cofres públicos
e será distribuído entre as escolas municipais. O vereador justificou a compra,
na sessão plenária da última quarta-feira, 9, com o argumento de que as
camisetas eram “à prova de mosquito”.
O vídeo com as declarações do vereador repercutiu negativamente
nas redes sociais.
“A camisa poderá ser lavada 30 vezes. E os alunos, vestidos com
esta camisa, estarão imunes à picada do mosquito (Aedes aeggypti)”, anunciou o
vereador. A informação foi questionada pelos demais representantes do
Legislativo de Parnamirim. Não satisfeito, Antônio Batista ainda retrucou: “(a
camisa) não espanta, não. Ela mata o mosquito”. 
O presidente da Câmara Municipal de Parnamirim, Ricardo Gurgel
(PSB), protocolou requerimento para que a secretária de Educação de Parnamirim,
Vandilma de Oliveira, justifique a compra do material – com custo unitário de R$
79,90. Foram adquiridos pela Prefeitura de Parnamirim 10 mil kits educativos.


Fonte: Novo Jornal

Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *