Vereador Aldo Dantas defende uma ampla mobilização pela reativação da barreira policial na entrada de Areia Branca

POSTO POLICIAL NA ENTRADA DA CIDADE FOI DESATIVADORecebido com festa pela população, Posto Policial funcionou por pouco tempo

Poderá partir da Câmara Municipal de Areia Branca uma mobilização com o objetivo de reativar o posto policial instalado na estrada da cidade.

Desde que o posto policial instalado nas proximidades do acesso à zona urbana da cidade, na BR-110, deixou de funcionar, a população passou a sentir os efeitos negativos da desativação determinada pela Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Com o policiamento local enfraquecido e sem a barreira policial, a rodovia continuou sendo a rota de fuga para bandidos que assaltam, roubam e praticam outros tipos de crimes na cidade.

Com a instalação da barreira policial em agosto de 2010, na gestão do ex-prefeito Manoel Cunha Neto, “Souza” (PP), onde atualmente funciona a base do Serviço Móvel de Atendimento de Urgência (Samu) de Areia Branca, os índices de criminalidade na cidade reduziram sistematicamente. O aparato contava com a presença de policiais 24 horas, que além de prevenir práticas delituosas, aumentou a sensação de segurança da população areia-branquense.

70 OKSentindo a necessidade desse aparato de segurança, diante do quadro de violência que se instalou na cidade, o vereador Aldo Dantas (PMDB) fez um pronunciamento na Câmara Municipal de Areia Branca, na sessão da quinta-feira, 9, conclamando uma grande mobilização, a partir daquela Casa, pela reativação do posto policial.

“Vamos reabrir o posto policial, pois é uma necessidade. Vamos usar da nossa força, vamos nos mobilizar por essa causa”, disse.

Para Aldo Dantas, é hora de convocar as lideranças políticas locais, os parlamentares que são votados neste município para se engajarem nessa luta em defesa da segurança dos cidadãos.

Ele reforça que uma peça fundamental nessa mobilização é a prefeita Luana Bruno (PMDB), que juntamente com o deputado federal Paulo Wagner (PV), que é areia-branquense, bem como o presidente da Câmara Federal, deputado Henrique Alves (PMDB), que tem se colocado à disposição do município, as deputadas federal Sandra Rosado, e estadual Larissa Rosado, ambas do PSB, que são bem votadas em nível local.

“Os colegas vereadores podem colaborar diretamente, pedindo a participação dos parlamentares que apoiam politicamente, em favor da nossa proposta, que reflete os anseios da população num todo”, afirma.

Vereador Aldo Dantas defende a reativação da barreira policial na entrada da cidade

Para o vereador Aldo Dantas, não é impossível quando se tem boa vontade. “Eu acredito na reativação do posto policial, que aliás considero um grande equívoco a sua desativação. A construção daquela barreira na gestão do ex-prefeito “Souza” foi resultado de muitas discussões, inclusive a sua legalidade, por ser instalada às margens de uma rodovia federal, foi atestada na época”, reforça, acrescentando que houve falta de ação política para manter o posto policial na entrada da cidade.

No seu pronunciamento, o vereador Aldo Dantas lembrou que o projeto que culminou na obra foi uma iniciativa do empresário Cleodon Bezerra, à época que era vereador, a partir do ano 2000. Mediante as ocorrências da criminalidade crescente na região, com reflexos preocupantes no município, o então vereador iniciou a luta pela construção de uma barreira policial na entrada da cidade.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *