Secretaria Estadual de Saúde e II Ursap realizam em Areia Branca capacitação em teste rápido para HIV e triagem de sífilis

AREIA BRANCA COMEMORA 86 ANOS DE EMANCIPAÇÃO POLÍTICA

Areia Branca sediará evento destinado aos profissionais da saúde

A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) e II Unidade Regional de Saúde (II Ursap) realizam nos dias 6 e 7 de maio, de 8h às 17h, na cidade de Areia Branca, uma capacitação em teste rápido para HIV e triagem de sífilis no âmbito da Rede Cegonha, destinada aos profissionais da Atenção Básica dos municípios de Areia Branca, Grossos, Tibau, Serra do Mel e Porto do Mangue.

O curso objetiva formar multiplicadores para a implementação do diagnóstico do HIV e triagem da sífilis utilizando metodologia rápida e aconselhamento no âmbito da Rede Cegonha.

São instrutoras do curso a articuladora do Programa Regional DST/Aids e Hepatites Virais da II Ursap, Emiliana Bezerra Cavalcanti; a bioquímica do Hospital Regional Tarcísio Maia (HRTM), Maria Hermenegilda Freitas; e a enfermeira do Hospital da Mulher, Kézia Oliveira.

A Sesap pretende realizar capacitações em todo o Estado, envolvendo todas as equipes da Estratégia Saúde da Família (ESF). Para a II Região de Saúde (com sede em Mossoró) e VIII Região de Saúde (com sede em Assú) estão previstas seis capacitações, mediante pactuação dos municípios quanto aos custos e liberação dos profissionais.

Segundo a articuladora do Programa Regional DST/Aids e Hepatites Virais da II Ursap, Emiliana Bezerra Cavalcanti, a capacitação faz parte da estratégia do Ministério da Saúde de ampliar o acesso ao diagnóstico do HIV, Sífilis e Hepatites Virais, especialmente em gestantes e populações mais vulneráveis.

O diagnóstico durante o pré-natal, parto e puerpério possibilita acesso ao tratamento e medidas de prevenção, reduzindo assim a transmissão vertical, considerada um desafio para a saúde pública. Saiba Mais De acordo com a Portaria nº 77, de 12 de janeiro de 2012 compete às equipes de Atenção Básica realizar testes rápidos para o diagnóstico de HIV e detecção da sífilis, assim como testes rápidos para outros agravos, no âmbito da atenção ao pré-natal para as gestantes e suas parcerias sexuais.

Os testes rápidos para HIV e sífilis deverão ser realizados por profissionais da saúde de nível superior, devidamente capacitados para realização da metodologia, de acordo com as diretrizes estabelecidas pelo Departamento de DST, Aids e Hepatites Virais/SVS/ MS. (Com informações da Assessoria Sesap).

Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *