Programa Saúde na Escola é lançado em Porto do Mangue com perspectiva de atender cerca de mil alunos no município

TITICO DIZ QUE O PROGRAMA É MUITO IMPORTANTE PARA A QUALIDADE DE VIDA DOS ALUNOS

“Titico”  (à dir.) diz que a ação é muito importante para a qualidade de vida dos alunos (Foto: Reprodução)

Cerca de mil alunos do município de Porto do Mangue serão beneficiados pelo Programa Saúde na Escola (PSE) lançado na terça-feira, 1º, às 9h, quadra de esportes da Escola Estadual Professora Josélia de Souza. A iniciativa tem como meta ampliar as ações voltadas à população, em especial à saúde das crianças e dos jovens.

O programa foi lançado pela prefeitura, por meio das secretarias municipais de Saúde e Educação. Na oportunidade, o prefeito Francisco Gomes Batista, “Titico” (PMDB), explicou que por meio do PSE os profissionais atuarão diretamente nas instituições de ensino no decorrer de 2014, com assuntos voltados à prevenção de doenças e promoção da saúde como um todo, sempre com a participação das famílias dos alunos para a melhoria na qualidade de vida de todos.

Para o prefeito “Titico”, a ação é muito importante para a qualidade de vida dos alunos, uma vez que muitos não possuem um acompanhamento sobre a importância de uma boa alimentação para uma vida mais saudável. “A parceria entre Educação e Saúde com esse programa é de grande valia para o bom desempenho do aluno no ambiente escolar”, argumentou.

O governante vê na prevenção o grande diferencial para a saúde publica e como aconteceu com outros programas, a atual gestão não mede esforços para conseguir levar esses benefícios aos quatro cantos do município. “O Saúde na Escola é mais um programa que o município abraça, pois constitui uma política para integração e articulação intersetorial permanente entre educação e saúde, voltada para a melhoria da qualidade de vida de crianças e adolescentes”, destacou “Titico”.

Os objetivos do PSE é promover a prevenção de agravos à saúde como fortalecer as redes publicas de saúde e de educação; contribuir para a constituição de condições para a formação integral dos educandos; fortalecer o enfrentamento das vulnerabilidade no campo da saúde, que possam comprometer o pleno desenvolvimento escolar.

Na abertura simbólica do programa além do prefeito “Titico”, estiveram presentes a primeira-dama Maria Clara Câmara, os secretários municipais de Saúde e Educação e demais autoridades convidadas.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *