Profissionais da saúde definem detalhes da campanha de vacinação contra a gripe no município

Reunião com profissionais da saúde definiu a vacinação no município (Foto: Assessoria de Comunicação PMAB)

Na manhã de segunda-feira, 8, os profissionais de saúde de Areia Branca se reuniram para definir os últimos detalhes de planejamento da Campanha de Vacinação contra a Gripe Influenza que se inicia nesta quarta-feira, 10.

No município, a vacina vai estar disponível nas unidades de saúde das zonas urbana e rural. A orientação da prefeita Iraneide Rebouças (PSD) é que as equipes que vão atuar na campanha se esforcem para atingir a meta planejada.

Essa será a 21ª campanha realizada em nível nacional. A ação é promovida pelo Ministério da Saúde e tem o Dia “D” marcado para 4 de maio. A campanha termina no dia 31 de maio. Em todo o país, a meta a imunizar 59 milhões de pessoas. Destas, 972.875 no Rio Grande do Norte.

Neste ano, nos primeiros dias de campanha (de 10 a 19 de abril), as doses serão direcionadas a crianças, gestantes e puérperas, sendo aproveitado este momento para atualizar a Caderneta de Vacinação. Após o dia 19 de abril, a campanha continuará para estes e para todo os demais grupos prioritários.

Devem ser vacinadas:

Crianças entre 6 meses de vida e menores de 6 anos de idade (5 anos, 11 meses e 29 dias)

Gestantes

Puérperas (até 45 dias após o parto)

Indivíduos com 60 anos ou mais de idade

Trabalhadores da saúde

Professores das escolas públicas e privadas

Povos indígenas

Grupos portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais
Adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas

População privada de liberdade e funcionários do sistema prisional

Influenza

A influenza é uma doença respiratória infecciosa de origem viral, que pode levar ao agravamento e ao óbito, especialmente nos indivíduos que apresentam fatores ou condições de risco para as complicações da infecção (crianças menores de 5 anos de idade, gestantes, adultos com 60 anos ou mais, portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais).

Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *