Prefeitura e CIEE farão nova seleção para preenchimento de vaga de aprendiz na Caixa Econômica Federal em Areia Branca

JOCSÃ, FERNANDA E VERÔNICA CIEEJocsã Cerqueira, Fenanda Lopes (CIEE) e a secretária de Assistência Social Verònica Pedrosa comemoram bons resutlados do programa no município

O Centro de Integração Empresa Escola (CIEE) realizará uma nova seleção com jovens com idade de 14 a 15 anos e 11 meses para preenchimento de uma vaga de aprendiz na agência da Caixa Econômica Federal (CEF) de Areia Branca.

O candidato aprovado na seleção, que consiste numa entrevista criteriosa com a supervisora do CIEE na região, Fernanda Lopes, será contratado na vaga que seria da estudante Nadja Caymme da Silva, da localidade de Upanema de Cima. Ela havia sido selecionada no início da semana, mas na hora da contratação apresentou documentação incompleta, o que inviabilizou a assinatura do contato de dois anos como aprendiz, que seria firmado com a Caixa.

Para essa nova entrevista com Fernanda Lopes, do CIEE, os candidatos situados na faixa etária acima, devem entregar seus currículos na Secretária Municipal de Assistência social, endereçados à Assessoria de Geração de Emprego, Renda e Qualificação Profissional. A entrevista dos candidatos eu tiverem os currículos selecionados pelo CIEE será realizada nesta sexta-feira, 8.

Para se enquadrar nos critérios exigidos pelo CIEE, os candidatos devem ter entre 14 a 15 anos e 11 meses, estar cursando, no mínimo, o 9º ano do Ensino Fundamental ou o equivalente na Educação de Jovens e Adultos (EJA), possuir carteira de trabalho, ou providenciá-la urgentemente e que seja carente do ponto de vista socioeconômico para contratação imediata.

O benefício é parte do Programa Aprendiz, uma política pública regulamentada pelo Governo Federal que tem por objetivo preparar jovens para o mercado de trabalho.

O programa é desenvolvido no município graças à parceria firmada entre a prefeitura, por meio da Secretaria de Assistência Social, via Assessoria de Geração de Emprego, Renda e Qualificação Profissional, com o CIEE. Para a sua efetivação, o programa depende da participação de empresas e instituições como a Caixa Econômica Federal, que está disponibilizando uma vaga de aprendiz nos seus quadros, cujo contrato tem duração de dois anos.

Em sua primeira experiência profissional, os jovens são convidados a desempenhar várias atividades e adquirir vivência para lidar com diferentes situações no mercado de trabalho.

O contrato do Aprendiz se dá conforme a Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), por prazo determinado de 24 meses. O salário do aprendiz é baseado no salário mínimo e na carga horária (teórica e prática). Além disso, recebe vale refeição, vale transporte, assistência médica e seguro de vida.

“Nosso propósito é continuar trabalhando para garantir a inserção de mais jovens no mercado de trabalho”, diz o Assessor de Geração de Emprego e Renda, Jocsã Cerqueira, satisfeito com os resultados alcançados pela sua pasta nesse primeiro mês de gestão da prefeita Luana Bruno (PMDB).

Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *