Prefeitura dá mais um passo no projeto Transformando Destinos contra o uso de drogas

Encontro tratou do andamento do projeto no município

Em reunião ocorrida na terça-feira, 19, o Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) em conjunto com as secretarias de setores estratégicos da Prefeitura Municipal de Areia Branca colocou em debate a revisão de políticas públicas em combate ao uso abusivo de entorpecentes por meio do projeto “Transformando Destinos”, criado em 2013 pelo MPRN. Usando amparo legal e iniciativas municipais, o projeto visa recuperar e reabilitar usuários de drogas, além de políticas de prevenção para impedir o ingresso de crianças e adolescentes no mundo do tráfico. O projeto atende a 21 municípios polos do RN, e foi condecorado com o segundo lugar no Prêmio do Conselho Nacional do Ministério Público em 2016, na categoria de Indução de Políticas Públicas.

Além dos membros provenientes do MPRN, estavam presentes no encontro representantes do Centro de Apoio Operacional as Promotorias Criminais (CAOP Criminal) e a comissão formada com representantes das pastas de Saúde, Assistência Social e Educação, como também da Gerência de Esportes e do Centro de Assistência Psicossocial (Caps) do município. “O Transformando Destinos tem como o grande diferencial tratar a questão das drogas sobre várias vertentes”, disse o promotor e coordenador do projeto Leonardo Nagashima. “Nós olhamos a questão do usuário de drogas; nós tentamos prevenir o acesso às crianças e adolescentes e também trabalhamos no cuidado posterior ao usuário e a repressão”, ressaltou o coordenador.

A pronta adesão de Areia Branca como um dos 21 municípios contemplados com o projeto foi um ponto levantado na reunião. “Foi um município que desde o início se mostrou muito interessado em aderir ao projeto”, declarou Ingrid Galvão, secretária-geral do projeto Transformando Destinos. “A prefeita Iraneide Rebouças assinou um acordo de cooperação técnica com o Ministério Público para começar o projeto aqui. Realmente foi bem importante para o andamento do projeto”, frisou.

O secretário de Assistência Social Francisco Jânio comentou sobre o andamento do projeto na cidade de Areia Branca. “Nesse momento, eles vieram para acompanhar o que a gente já fez em relação a essas políticas, muito mais no sentido de acompanhar, de orientar e nos dar apoio, para que possamos cada vez mais consolidar essas políticas públicas, que são muito importantes para prevenir e auxiliar nossos jovens, para que eles sejam cidadãos de bem”, disse.

Fotos: Assessoria de Comunicação – PMAB

Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *