Prefeitos do RN decidirão na terça-feira se fecharão as portas das prefeituras em protesto contra a crise financeira

0Benes Leocádio diz que crise financeira está comprometendo a prestação de serviços à população

Prefeitos do Rio Grande do Norte decidirão na próxima terça-feira, 29, em assembleia extraordinária convocada pela Federação dos Municípios (Femurn) se fecharão as portas das prefeituras em protesto contra a crise financeira que atinge a maioria das gestões municipais.

A convocação foi feita ontem, 25, pelo presidente da Femurn, prefeito Benes Leocádio, de Lajes. Atendendo a propostas e sugestões dos prefeitos, o dirigente municipalista convocou todos os associados para deliberar sobre a paralisação.

A assembleia plenária será realizada na manhã de terça-feira próxima na Escola de Governo do Estado, no Centro Administrativo, quando os prefeitos estão reunidos para o lançamento do Programa RN Sustentável, pela governadora Rosalba Ciarlini (DEM).

No comunicado aos prefeitos, Benes Leocádio considera grave a crise financeira que vem afetando “de forma impiedosa” os municípios brasileiros e, em particular, os do Rio Grande do Norte.

De acordo com o comunicado do presidente aos prefeitos, a crise financeira está comprometendo a prestação de serviços básicos e essenciais à população.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *