Prefeito reúne secretários e gerentes para avaliar período e definir metas para 2011

SONY DSC                     A derradeira semana do ano de 2010 foi reservada a reuniões do prefeito Manoel Cunha Neto, “Souza” (PP), com os secretários e gerentes executivos para tratar das questões relacionadas ao balanço final do período que se encerra. Nos encontros foram tratados de termas como fechamento do ano quanto a parte financeira do município, quadro funcional, metas cumpridas e pré-estabelecidas para 2011, bem como o ordenamento da máquina administrativa para o próximo biênio.

“Souza” pede empenho de todos para continuar avançando

Segundo o gestor, esse é um procedimento normal, de cunho meramente interno, que dará o norte sobre pendências, o que foi feito e o que se pretende fazer. No geral, “Souza” avaliou que chega ao fim de 2010 contabilizando conquistas em todos os setores.

Além do volume de obras considerável, para um período assolado pela crise financeira, “Souza” manteve os salários dos servidores em dia e assegurou a continuidade de todos os programas sociais, inclusive o de moradia popular, que levou benefício a centenas de famílias.   

Na quinta-feira, 30, durante uma confraternização do pessoal lotado na Secretaria de Gabinete Civil, quando foi comemorado o aniversário do secretário-chefe de Gabinete, Naelson Oliveira, o prefeito “Souza” fez uso da palavra para agradecer a todos os secretários e gerentes da administração municipal pelo empenho e dedicação e solicitou que esse agradecimento fosse estendido os demais funcionários.

Ele afirmou que, apesar das dificuldades o ano termina com um saldo amplamente positivo, todas as contas dos fornecedores equilibradas, em dia com o pagamento do funcionalismo, inclusive tendo quitado o 13º salário de todos os servidores de maneira antecipada.

“Souza” lembrou ainda, que o município sofreu queda brutal nas receitas oriundas do governo federal e estadual (FPM e ICMS), além de ter pago nos seus dois anos de segundo mandato somas expressivas de precatórios.

Na sua fala, o governante tranquilizou os servidores que estavam apreensivos quanto aos rumores de que haveria demissão em massa de ocupantes de cargos comissionados. “Faremos ajustes, sim, como é uma praxe todo final de ano, mas fiquem tranquilos que não temos o propósito de prejudicar ninguém”, disse, dirigindo-se aos servidores presentes.

“Souza” informou que poderá haver alguns remanejamentos de funções, como forma de adequar os setores que apresentam deficiência de material humano e aproveitar melhor alguns profissionais, cujo perfil não se enquadra na função que ocupa atualmente. “Estamos analisando essa questão com muita responsabilidade e se realmente constarmos a necessidade de remanejar pessoal, o faremos, sem prejuízos para ambas as partes”, acrescentou.

Concluindo, “Souza” cobrou dos secretários, para os próximos dois anos, muita criatividade, “pois serão anos de muito trabalho e progresso para o município”, finalizou.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *