Prefeita leva equipe a Caicó para conhecer sistema funcional das Aldeias Infantis SOS Brasil

Aldeias Luana 3Luana Bruno, Verônica Pedrosa, Fernanda Medeiros e Juarez Pedrosa durante visita às Aldeias Infantis SOS Brasil

Na manhã desta quinta-feira, 25, a prefeita de Areia Branca, Luana Bruno (PMDB), acompanhada dos secretários Juarez Pedrosa (Finanças) e Verônica Campos (Assistência Social), e da assistente social, Fernanda Medeiros, foi à cidade de Caicó, na região do Seridó, para uma visita considerada importante nas Aldeias Infantis SOS Brasil.

A gestora e seus auxiliares foram conhecer o trabalho desenvolvido pela instituição que é reconhecida internacionalmente no atendimento a crianças, adolescentes e jovens em situação de vulnerabilidade social para em seguida, firmar convênio para atendimento das necessidades do município.

Para a secretária de Assistência Social, “essa parceria se deu a partir da necessidade de atendimento de crianças e adolescentes atendidos na nossa rede de assistência social que necessitam de abrigo em decorrência do abandono por parte dos pais e familiares ou por questões de vulnerabilidade social”, explicou Verônica Pedrosa.

Aldeia Mãe AcolhedoraVerônica Pedrosa ouviu relatos sobre sistema funcional da Aldeia “Mãe Acolhedora”

De acordo com Luana Bruno, garantir os direitos da criança e do adolescente está em primeiro lugar “por meio do acesso à educação e do direito de pertencer a uma família para que cresça e se desenvolva com segurança”. A prefeita destaca que a Aldeias Infantil SOS Brasil foi escolhida por ter uma metodologia de atuação que garante a proteção integral para as crianças através do fortalecimento de vínculos familiares e comunitários.

A partir da parceria firmada, a rede de assistência social do município de Areia Branca fará o encaminhamento dos casos que se fizerem necessários, sempre mediante orientação jurídica e social.  

Aldeias Infantis SOS Brasil

Aldeias Luana 2Representante da organização explicou como é feito o atendimento à clientela assistida  

Aldeias Infantis SOS é uma organização não governamental e sem fins lucrativos fundada em 1949 que promove ações na defesa e garantia dos direitos de crianças, adolescentes e jovens por meio de uma atuação de desenvolvimento sócio comunitário.

A instituição atua em 133 países atendendo crianças em situação de vulnerabilidade social, que perderam ou estão prestes a perder os cuidados de suas famílias.

O trabalho do órgão é focado na integração social e familiar das crianças e dos jovens impulsionando sua autonomia para que se sintam protegidos e incluídos na sociedade.

Serviço de acolhimento

Aldeias Luana 55Comitiva de Areia Branca com pessoal de apoio das Aldeias

Cada núcleo familiar é composto por até nove crianças, irmãos biológicos ou não, de diferentes idades e de ambos os sexos. A mãe social (cuidadora residente) é responsável pelo cuidado e projeto de vida de cada criança e jovem.

As crianças são encaminhadas pelas autoridades da Infância, os irmãos biológicos não são separados. A organização detém a guarda provisória e excepcional das crianças adolescentes e jovens a ela confiada.

Aldeias LuanaLuana Bruno demostrou interesse em firmar convênio com as Aldeias para atendimento das necessidades do município 

Numa unidade de acolhimento são garantidos seus direitos básicos como: alimentação, educação, saúde, lazer e o direito à convivência familiar e comunitária.

No núcleo familiar as crianças crescem e aprendem juntas, compartilham responsabilidades, trabalham conflitos e limites da vida cotidiana, na perspectiva de um desenvolvimento integral. Os núcleos familiares estão inseridos no meio comunitário, onde crianças, adolescentes e jovens têm a oportunidade de participar ativamente da realidade local.

Fotos: Carlos Júnior

Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *