Palmeiras atropela o Santos e conquista o inédito título da Copinha

Palmeiras campeão da Copinha

O Palmeiras acabou em grande estilo com uma das brincadeiras dos rivais que mais o atormentava. Com uma exibição de gala no primeiro tempo, o Verdão goleou o Santos por 4 a 0, nesta terça-feira, 25, no Allianz Parque, e conquistou seu primeiro título na história da Copa São Paulo de Futebol Júnior. Endrick, Giovani e Gabriel Silva praticamente acabaram com a decisão em apenas 15 minutos de jogo. Gabriel Silva fez mais um no início da etapa final e garantiu a taça.

Autor do primeiro gol da final, o garoto Endrick, de 15 anos, foi eleito o craque da Copinha 2022 em votação feita pelo ge e ainda conquistou o Prêmio Dener com o gol mais bonito, anotado na semifinal, com uma meia-bicicleta contra o Oeste.

Endrick, craque do jogo e da competição

Primeiro tempo

Foi um show alviverde. O Palmeiras ficou com a bola no início do jogo e não demorou a abrir o placar. Aos cinco minutos, após cruzamento da esquerda, Endrick apareceu entre os zagueiros e desviou sem chances de defesa. E tinha mais. Aos 11, Giovani recebeu pela direita, cortou para dentro e acertou um lindo chute, por cima do goleiro santista. O título foi decidido ainda nos instantes iniciais do jogo. Aos 15, Gabriel Silva cobrou falta, a bola desviou na barreira e entrou.

A enorme vantagem fez o Palmeiras diminuir o ímpeto, mas ainda assim com o domínio da partida. O Santos em nenhum momento mostrou força para reagir. No fim, o Peixe ainda perdeu o zagueiro Derick, expulso.

Giovani marcou o segundo gol do Verdão

Segundo tempo

O Santos voltou para o segundo tempo ainda sonhando com uma reação. Fernandinho, aos dois minutos, levou perigo em chute de fora da área. Mas o Palmeiras continuou perigoso. Logo em seguida, Giovani apareceu livre na área e parou no goleiro Diógenes. O quarto saiu logo depois. Gabriel Silva, de cabeça, anotou o quarto, aos oito minutos. A partir disso, o Verdão passou a gastar o tempo à espera do apito final. Ainda assim, chegou a carimbar a trave. O Peixe ainda tentou com algumas modificações na equipe, mas o time já não tinha ânimo para buscar ao menos o primeiro gol. (Com informações GE).

Gabriel Silva marcou duas vezes e fechou a fatura

Fotos: Marcos Ribolli

Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *