Natal terá gigantesco esquema de segurança na Copa do Mundo, enquanto os municípios clamam sem resposta

Arena_das_Dunas

Arena das Dunas terá forte aparato de segurança durante os dias de jogos

Os argumentos apresentados pelo Governo do Estado do Rio grande do Norte, de que não dispõe de policiais nem aparato de segurança o suficiente para atender aos clamores dos municípios que convivem com a violência diariamente, como é o caso de Areia Branca, que possui um contingente policial aquém de suas necessidades, caem por terra quando se verifica o Plano Operacional de segurança que está sendo montado para o mundial de futebol, que tem Natal como uma das cidades-sede.

De acordo com o Plano Operacional, nos dias de jogos, em Natal, a Polícia Militar disponibilizará cerca de 2.200 homens. O Corpo de Bombeiros estará com 289 homens a serviço da corporação, e ainda está prevista a integração de outros 350 homens da Força Nacional, divididos entre quatro e oito equipes, sendo uma equipe de batedores para escolta, três atiradores, seis  tropas de choque e 120 bombeiros.

O RN ainda contará com um helicóptero adicional e cinco médicos legistas. Em Natal, a Marinha vai destacar fuzileiros navais para acompanhar nas escoltas. Na capital potiguar, assim como em todas as 12 cidades sedes, devem ser utilizados contingentes de 350 policiais militares dentro  das  arenas  durante o período. 

A Polícia Militar do RN vai dispor ainda, de um robô antibombas e parte do equipamento que será usado pelo Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) durante a Copa do Mundo. Além do robô, um raio-X de última geração, com o qual é possível identificar o que tem dentro de uma mochila, por exemplo, sem precisar abri-la, também fará parte do aparato.

Enquanto isso, nos municípios…

Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *