Mudança no comando do PP estadual poderá abrir novos horizontes para a eventual candidatura do ex-prefeito “Souza” a deputado estadual

SOUZA TIRANDO DE LETRA“Souza” é citado como potencial candidato a uma cadeira na Assembleia Legislativa nas próximas eleições

As mudanças processadas no comando do Partido Progressista (PP) no âmbito estadual, poderá refletir internamente em Areia Branca, onde a sigla é presidida pelo ex-prefeito Manoel Cunha Neto, “Souza”. Conforme noticiado pela imprensa potiguar, o vereador natalense Rafael Motta deverá assumir nesta quinta-feira, 4, a presidência estadual da agremiação partidária.

Pré-candidato a deputado federal nas eleições de 2014, Rafael Motta é filho do presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ricardo Motta (PMN). Rafael desponta como postulante único à presidência do PP, que antes era comandado pelo ex-vereador de Parnamirim, Sérgio Andrade.

Em Areia Branca, sob a orientação do ex-prefeito “Souza”, o PP teve participação direta e decisiva nas quatro últimas eleições municipais. Mas a saída de alguns expoentes e o fato de não ter emplacado nenhum representante na atual legislatura, na Câmara Municipal de Areia Branca, minou as forças do partido em nível local. Mais recentemente o vice-presidente do diretório municipal, o empresário Hélio Borges, pediu desfiliação da sigla para assumir o comando do Partido Humanista da Solidariedade (PHS) no município.

Nos círculos políticos na cidade, surgem rumores que o ex-prefeito “Souza” estaria propenso a mudar de partido para iniciar um projeto político novo que teria como destino a Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte. PT, PSB e PDT seriam as opções em análise pelo ex-gestor que administrou o município nos últimos oito anos (eleito em 2004 e reeleito em 2008).

Com as mudanças processadas no diretório estadual do PP, o ex-prefeito “Souza” poderá repensar sobre sua permanência na sigla. Isso, se realmente ele estiver pensando em trocar de partido para trabalhar a sua pré-candidatura a deputado estadual em 2014, como vem sendo ventilado nos meios políticos da cidade.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *