Médica e empresária de Porto do Mangue poderá ser o nome do PSB para a prefeitura nas eleições municipais de 2016

DRA ROSA COM WILMA EM EVENTOWilma de Faria, nome em ascensão para o Governo do Estado, com a Dra. Rosa, que desponta como “prefeitável” em Porto do Mangue (Foto: Cedida) 

Embora faltando cerca de três anos para a sucessão municipal, o Partido Socialista Brasileiro (PSB) já trabalha esse projeto vinculado às eleições gerais de 2014. Necessariamente a definição de nomes oriundos da sigla para o pleito eleitoral nos municípios potiguares em 2016, passa pelo embate do próximo ano.

Um dos municípios onde o assunto já é tratado com certa ênfase nos bastidores políticos, é Porto do Mangue. Lá, o fato de o prefeito reeleito Francisco Gomes Batista, “Titico” (PMDB), não poder concorrer a novo mandato, abre espaço para especulações que colocam no centro das atenções nomes que o eleitor portomanguene, embora de maneira tímida, já identifica como eventuais postulantes ao cargo majoritário em 2016.

No rol das especulações, a oposição em Porto do Mangue já engatinha os primeiros passos no sentido de montar um projeto político para 2016, onde a ideia é unir forças em torno de uma candidatura robusta, capaz de virar o jogo sucessório municipal.

Nesse contexto, um nome já desponta no cenário político de Porto do Mangue. É o da médica e empresária do ramo têxtil, Rosa Araújo. De maneira espontânea, os eleitores citam a médica como uma boa opção para a prefeitura em 2016.

Entre os argumentos apresentados para justificar essa preferência natural, expoentes da cidade citam o fato dela demonstrar espírito empreendedor, habilidade no trato com as questões sociais e ser uma grande incentivadora da geração de emprego e renda no município.

Em contato com o Blog, a Dra. Rosa agradeceu essa manifestação espontânea das pessoas em relação ao seu nome e disse que se for convocada pelo eleitor da sua cidade para concorrer ao cargo majoritário, estará pronta para encarar o desafio das urnas. Mas pondera. “Temos que levar em consideração o fato de que no próximo ano teremos eleições em todos os níveis, cujo resultado norteará o nosso projeto político futuro”, adianta.

Para a médica, é importante que haja essas manifestações populares em torno do seu nome, até porque ela tem se mantido presente no dia a dia da população e sempre tenta ajudar naquilo que estiver ao seu alcance. “Independente da política, temos nos mantido próxima dos amigos e vamos ampliar essa interação com os comunitários, com as lideranças políticas do município, porque quando se trabalha unido, focado num mesmo objetivo, tudo se torna mais fácil. É com esse pensamento que estamos trabalhando, com o propósito de construir um projeto grandioso que seja bom para todos”, conclui.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *