“Manezinho do Mel” pede reparos no calçadão e reforça necessidade de cerca de proteção ao redor das cruzes

“Manezinho do Mel” pleiteia novos benefícios para a zona rural (Foto: Erivan Silva)

Único vereador da atual legislatura com residência fixa na zona rural do município, Manoel Joaquim dos Santos, “Manezinho do Mel” (MDB), voltou a reivindicar benefícios para sua comunidade, Ponta do Mel, no litoral de Areia Branca.

Por meio de requerimentos verbais aprovados na Câmara Municipal, “Manezinho do Mel” solicitou do órgão competente do município, a recuperação do calçadão da praia de Ponta do Mel, que se encontra danificado em três pontos distintos. Ele requereu ainda, reparos no acesso (descida) do calçadão para a orla marítima.

O vereador requereu ainda, verbalmente, a recuperação das tampas dos bueiros localizados na via de descida da Serra de Ponta do Mel, no trecho que vai até a praia.

Outro pleito reivindicado por “Manezinho do Mel”, diz respeito a instalação de um poste com luminária na Praça do Cruzeiro, no bairro Novo Mel, também na comunidade de Ponta do Mel.

Proteção nas cruzes

Cruzes é um local muito visitado, mas perigoso para os afoitos (Foto: Reprodução)

Finalizando, “Manezinho do Mel” reforçou proposição do vereador Aldo Dantas (PSDB), sobre instalação de uma cerca de proteção ao redor das cruzes, no alto das falésias de Ponta do Mel, local onde foram gravadas cenas do filme “Maria, a mãe do filho de Deus”, do padre Marcelo Rossi.

Devido a repercussão do filme e as belezas naturais da vila-praia, o local passou a ser bastante frequentado, mas não possui nenhuma infraestrutura, principalmente no que diz respeito a segurança dos visitantes.

Para “Manezinho do Mel”, uma cerca de proteção reduz os riscos de acidente no local, já que se trata de falésias. Na semana passada, foi registrada uma morte no local. Um grupo de evangélicos visitava as cruzes, quando um deles se desequilibrou e caiu de uma altura de aproximadamente cinco metros, batendo a cabeça numa pedra e morrendo no local.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *