Império de Casa Verde é a campeã do Carnaval 2016 de São Paulo; X-9 e Pérola Negra foram rebaixadas

Império de Casa Verde conquista seu terceiro título (Foto: Barbara Alejandra/Famosidades)
Com um enredo abstrato sobre os mistérios da vida, a Império de
Casa Verde foi eleita a campeã do Carnaval 2016 de São Paulo. O terceiro título
da agremiação no Grupo Especial foi anunciado na tarde desta terça-feira, 9, em
uma apuração marcada por confusão e reclamações de integrantes de outras
escolas.
“Estamos muito emocionados com o trabalho que foi feito. Acho
que foi bem concluído na avenida. E foi merecido esse título da Império aqui”,
comemorou Alexandre Furtado, presidente da campeã. “Acho que o público e o samba
precisavam de uma mudança, de uma nova escola sendo campeã”, avaliou Furtado,
adiantando que a equipe criativa continua a mesma para o Carnaval 2017. “Foi um
casamento certo.”
Lívia Andrade, madrinha de bateria da Império (Foto:
Iwi Onodera/EGO)
Ex-Rosas de Ouro e estreante na Império, o carnavalesco Jorge
Freitas exaltou a comunidade: “Trabalho de um ano foi recompensado com esse
título. É um trabalho muito forte de comunidade. Parabéns a vocês da Império”,
disse.
A rainha da bateria da agremiação, Valeska Reis, credita a
vitória também à determinação de seus componentes. “Desfile foi incrível. Nós
entramos na avenida com garra, com vontade de vencer. Vem na hora certa. E não
foi mistério nenhum. Império campeão”, comemorou.
      Valeska Reis, Rainha de Bateria da  escola, comemora o título (Foto: Daniel Teixeira/ Estadão)
Até o final da leitura do quarto quesito, samba-enredo, a
Mocidade Alegre era a única escola com apenas notas 10 de todos os jurados – a
agremiação “gabaritou” também mestre-sala e porta-bandeira, enredo e alegoria.
Foi na categoria bateria que a Império de Casa Verde assumiu o topo e se manteve
em primeiro lugar até o final da leitura das notas, terminando com 269,4 pontos.
Acadêmicos do Tatuapé e Mocidade Alegre tiveram 269,1 pontos, e ficaram com o
segundo e terceiro lugares, respectivamente.
Com as piores notas, X-9 Paulistana e Pérola Negra foram
rebaixadas para o Grupo de Acesso do Carnaval paulista.



Veja a classificação final das escolas de samba de São
Paulo:

1 -Império de Casa Verde – 269,4 pontos

2 – Acadêmicos do Tatuapé – 269,1 pontos

3 – Mocidade Alegre – 269,1 pontos

4 – Vai Vai – 268,8 pontos

5 – Dragões da Real – 268,4 – pontos

6 – Unidos da Vila Maria – 268,4 – pontos

7 – Gaviões da Fiel – 268,3 pontos

8 – Águia de Ouro – 268,2 pontos

9 –  Nenê de Vila Matilde – 268 pontos

10 – Rosas de Ouro – 267,6 pontos

11 – Acadêmicos do Tucuruvi – 267,6 pontos

12 – Unidos do Peruche – 264,7 pontos

13 – Pérola Negra – 264 pontos

14 – X-9 Paulistana – 263,9 pontos

Fotos: Barbara Alejandra/Famosidades

Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *