Guarda-vidas já realizaram 127 salvamentos em praias da Grande Natal

Além de salvamentos, os guarda-vidas fizeram mais de 25 mil orientações e advertências (Foto: CBM/Assecom)

No primeiro semestre do ano, o Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Rio Grande do Norte (CBMRN), por meio do Grupamento de Busca e Salvamento (GBS), realizou 127 salvamentos em praias da Região Metropolitana de Natal. Além disso, ainda nesse período, os guarda-vidas fizeram mais de 25 mil orientações e advertências.

Desde o ano passado comandando o Grupamento de Busca e Salvamento (GBS), o major Roberto Oliveira falou da importância do trabalho preventivo e educacional dos guarda-vidas e ainda reforçou que os afogamentos e acidentes aquáticos podem ser evitados. “Mesmo com a pandemia da Covid-19 os nossos bombeiros militares estiveram presentes nas praias alertando sobre os perigos no meio aquático. Agora com a flexibilização de medidas contra a pandemia, o nosso cuidado está sendo redobrado. No entanto, é necessário também que os banhistas tenham atenção ao entrar no mar e sempre atenda às recomendações dos bombeiros”, frisou.

Nos últimos meses, vários guarda-vidas concluíram capacitações com a temática de salvamento aquático e resgate de vítimas no meio líquido. “Ao longo desses últimos meses, melhoramos a nossa estrutura física com mais viaturas, equipamentos e capacitamos guarda-vidas em cursos de busca e salvamento aquático, visando prestar um serviço melhor para o povo norte-rio-grandense”, finalizou o major Roberto Oliveira.

Interior do Estado

Já no interior do Estado, a recomendação também é de muita cautela. Durante o período de cheia dos mananciais os riscos de afogamentos e outros tipos de acidentes aquáticos aumentam consideravelmente. A subida do nível das águas devido às fortes chuvas exige cuidados para pescadores e banhistas que estão nos rios, barragens e açudes.

Diante desse cenário, o Corpo de Bombeiros pede a população que evite navegar com botes durante o período de cheias. Além disso, não é recomendado o consumo de bebidas alcoólicas no banho e nem durante a viagem. Caso a travessia seja necessária, as pessoas devem usar colete salva-vidas.

Caso alguém presencie um afogamento ou acidente aquático, é só entrar em contato imediatamente com o Corpo de Bombeiros, através do 193.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *