Governo emite nota de pesar e decreta luto oficial de três dias pela morte do ex-jogador Marinho Chagas

0 rosa e chagasA governadora Rosalba Ciarlini (DEM) decretou luto oficial de três dias, a partir desta segunda-feira, 2 de junho, pela morte do ex-jogador Marinho Chagas.

De acordo com o decreto, que será publicado no Diário Oficial nesta terça-feira, 3, a bandeira do Rio Grande do Norte deverá ser hasteado à meio mastro em todas as repartições públicas do Estado em sinal de respeito à memória do ex-jogador.

Em nota de pesar, a governadora Rosalba Ciarlini lamentou e se entristeceu profundamente, assim como todos os potiguares, com o falecimento do ex-jogador Marinho Chagas, ocorrido na madrugada deste domingo, 1 de junho.

“Marinho encarnou o talento do futebol norte-riograndense como ninguém e elevou-o ao topo da glória ao defender a Seleção Brasileira, em 1974, ocasião em que foi eleito melhor lateral esquerdo. Ele era um dos maiores entusiastas da realização da Copa do Mundo em Natal, como demonstrou recentemente na exibição da Taça do Mundo na nossa capital.Marinho deixa uma legião de torcedores-fãs em todos os clubes potiguares, amigos e familiares enlutados”, diz a nota emitida pelo Governo do Estado pelo falecimento do ex-jogador.

Rogério Marinho

Atual diretor executivo do ABC, Rogério Marinho lamentou a morte do ex-jogador Marinho Chagas, que foi ídolo do alvinegro durante sua passagem pelo clube, entre 1969 e 1970. Para o dirigente, o atleta potiguar “foi um símbolo do futebol alegre e irreverente”.

Rosalba Ciarlini lamentou o falecimento do ex-jogador Marinho Chagas

“Muito triste com o falecimento do grande alvinegro Marinho Chagas, deu grandes alegrias ao ABC e ao Brasil. Deixará muitas saudades em todos os brasileiros, especialmente nos potiguares. Hoje, estamos todos de luto”, disse Rogério, que também relembrou o fato do ex-atleta ter sido eleito o melhor lateral esquerdo da Copa do Mundo de 1974.

A diretoria do ABC decretou luto oficial de sete dias e, por meio da página oficial do clube na internet, manifestou sua solidariedade com os familiares e amigos do ex-jogador.

João Maia

Por meio do seu Twitter, o deputado federal João Maia (PR) lamentou a morte do ex-jogador do Botafogo e da Seleção Brasileira, o potiguar Marinho Chagas. “Tive o prazer de ver Marinho Chagas jogar pelo Botafogo. Hoje é um dia de luto para o futebol brasileiro. Meus sentimentos a toda Família”, disse o deputado.

Marinho tinha 62 anos e faleceu após sentir-se mal ontem, 1, em João Pessoa (PB), onde participava de um evento para colecionadores de figurinhas de álbum de Copa do Mundo, na capital paraibana. O seputalmento de Marinho Chagas ocorrerá às 17h desta segunda-feira, em Natal.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *