Empresário e vereadores sugerem mudança do Restaurante Popular para outro local

rest 1Restaurante Popular foi instalado em Areia Branca, no ano passado

Numa espécie de mesa redonda neste início de tarde, durante o programa “Costa Branca Em Debate” na Rádio Costa Branca (FM 104,3), o apresentador Cleodon Bezerra e os vereadores Aldo de Oliveira Dantas e Dijalma da Silva Souza, ambos do PMDB, levantaram uma questão acerca do Restaurante Popular de Areia Branca.

Os debatedores chegaram à conclusão que o motivo da constante sobra de refeições, conforme tem dito os responsáveis pelo empreendimento em Areia Branca, é a localização. Desde o início, quando foi anunciado que o Restaurante Popular seria instalado no prédio da antiga Churrascaria Sabor da Terra, na Rua Cel. Liberalino, considerada uma área nobre, de imediato muita gente se posicionou contra o local, por ser inadequado para a comercialização de alimento a preço popular.

O restaurante fornece 500 refeições diárias ao preço de R$ 1,00. Mas segundo a coordenação local, tem dias que sobra muita comida e como não pode ser vendida para fora (quentinha ou marmita) nem doada, finda estragando.

Hoje, os vereadores Aldo Dantas (que foi o autor da proposta reivindicando a vinda do Restaurante Popular) e Dijama Silva concordaram com a tese que o problema está na localização do restaurante. O ideal, desde o início, seria o empreendimento ter sido instalado na periferia da cidade, onde se concentra maior parte do público alvo do benefício.

Os vereadores vão propor a mudança de local do Restaurante Popular, se possível para o bairro Nossa Senhora dos Navegantes. No prédio onde ele funciona atualmente o empresário Cleodon Bezerra e os edis concordaram em reivindicar junto a governadora Rosalba Ciarlini (DEM) que instale ali uma unidade da Central do Cidadão.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *