Dinheiro pago pelos contribuintes vai garantir as obras de construção do futuro Centro Administrativo de Tibau

VISUAL DA FACHADA DO FUTURO CENTRO ADMINISTRATIVO DE TIBAUFachada do futuro Centro Administrativo de Tibau, conforme a planta

Desde 1997, ano em que o município foi oficialmente instalado, com a eleição e posse do primeiro prefeito, Sidrônio Freire da Silva, se fala na construção da sede própria da Prefeitura de Tibau, já que a estrutura administrativa municipal até hoje funciona num prédio alugado que não oferece as condições necessárias para uma prestação de serviços mais eficiente à população.

Nesse período, quem mais se movimentou no sentido de construir a sede própria do Poder Executivo foi a então prefeita interina Evaneide Fernandes da Costa, “Neinha”, que em 2010, no exercício do cargo, anunciou na imprensa a construção da sede própria da prefeitura como prioridade da sua gestão, inclusive afirmando que já estava de posse da área urbana pertencente ao município onde o prédio seria construído. Mas como os seus antecessores, tudo não passou de promessa.

O projeto deverá sair do papel. É o que promete o prefeito Josinaldo Marcos de Souza, “Naldinho” (PSD), que no mês passado autorizou a elaboração do projeto para a construção do Centro Administrativo de Tibau.

“Há 17 anos, as administrações municipais têm vivido em peregrinação por prédios para funcionamento da sede do Executivo municipal. Mas isso está com os dias contados, pois vamos construir um Centro Administrativo com todas as condições para proporcionar comodidade para os nossos auxiliares diretos e oferecer um atendimento com qualidade à população”, disse.OLYMPUS DIGITAL CAMERA                                  Ao longo dos anos a Prefeitura de Tibau tem funcionado em prédios alugados

Desde que assumiu o mandato, em janeiro deste ano, o prefeito “Naldinho” definiu como uma das metas do seu governo a construção da sede própria da Prefeitura de Tibau.

Para executar o projeto, o gestor não pretende recorrer a convênios, a ideia é construir o prédio com recursos arrecadados pela Secretaria Municipal de Tributação decorrentesdes do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU), Imposto Sobre Serviços (ISS), Imposto sobre a Transmissão de Bens Imóveis (ITBI), entre outros tributos.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *