Dilma chorou ao lamentar a morte de alunos e diz que crime não é característico no país

DILMA CHORA A presidente Dilma Rousseff chorou nesta quinta-feira, 7, ao lamentar a morte de alunos de uma escola municipal do Rio, baleados por um ex-aluno (leia postagem anterior). Ela participava de uma cerimônia para comemorar o número de 1 milhão de empreendedores formalizados. Após falar ao público, ela pediu um minuto de silêncio e encerrou o evento.

Dilma repudiou o ato de violência

“Hoje deveria ser um dia de muita festa pois estamos comemorando 1 milhão de empreendedores individuais formalizados”, disse a presidente.

“Não vou fazer um discurso porque hoje nós também temos que lamentar o que aconteceu em Realengo com crianças indefesas. Não era característica do país ocorrer esse tipo de crime. Por isso, eu considero que todos aqui estamos unidos no repúdio a esse ato de violência”, complementou.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *