Defesa Civil está no município de Pedra Preta dando suporte e apoio à população que está sob alerta devido aos tremores

00Pedra Preta está sob alerta devido a intensidade de abalos sísmicos registrados nos últimos dias

O Governo do Estado, por meio da Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (Cedec), em parceria com os Bombeiros e com Secretaria de Estado da Infraestrutura (SIN), enviou equipes para o município de Pedra Preta para dar suporte e apoio aos moradores. A governadora Rosalba Ciarlini já entrou em contato com o prefeito Luiz Antônio Bandeira e assegurou total apoio a população.

Às 10h30 da manhã de hoje a Cedec esteve na Prefeitura de Pedra Preta com um engenheiro da Secretaria de Infraestrutura; representantes do Exército; técnicos do Laboratório de Sismologia da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (LabSis/UFRN) e a equipe do Setor Técnico de Engenharia dos Bombeiros.

O coordenador Estadual da Defesa Civil, Ten Cel BM Josenildo Acioli, esteve presente na reunião e lembra que desde o início de 2011 o governo vem convocando as prefeituras para criarem as suas Coordenadorias Municipais de Proteção e Defesa Civil (Compdec), que devem ser as primeiras a dar o suporte nas emergências. “Como a prefeitura de Pedra Preta ainda não havia criado, estamos trabalhando para articular junto ao Prefeito um Plano de Emergência para lidar com esta situação dos abalos sísmicos, e outras que poderão surgir”, disse Acioli.

A Coordenadoria Municipal é o órgão responsável pela execução, coordenação e mobilização de todas as ações de defesa civil no município. As ações mais importantes da Compdec são as preventivas objetivando evitar (minimizar) que o desastre ocorra. O Rio Grande do Norte já possui 143 coordenadorias municipais de Proteção e Defesa Civil criadas por Lei.

Tremores

0Rachaduras aparecem nas casas de Pedra Preta após últimos tremores (Foto: Jorge Talmon/G1)

Os sismólogos da UFRN registraram mais um tremor em Pedra Preta. Na manhã desta sexta-feira, 1º de novembro, um evento de magnitude 3.3 na escala Richter foi computado, após uma noite de intensa atividade sísmica na região.

O município de Pedra Preta já contabiliza mais de 160 abalos sísmicos neste ano, com os abalos se concentrando nos últimos dias. O Laboratório de Sismologia da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (LabSis/UFRN)  orientou as famílias para abandonarem suas casas. (Com informações da Assessoria Sejuc/RN).

Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *