Corte do TRE-RN cassou mais uma vez o mandato da prefeita de Mossoró e do seu vice e decretou inelegibilidade por oito anos

Cláudia-Regina_Carlos-Costa

Cláudia Regina sofreu mais uma derrota na tarde de hoje

A Corte do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE-RN), em sessão realizada na tarde desta quinta-feira, 13, por unanimidade de votos, em consonância com o parecer da Procuradoria Regional Eleitoral, cassou mais uma vez o mandato da prefeita de Mossoró, Claudia Regina e do seu vice, Wellington Carvalho. Além da cassação do mandato, ambos estão inelegíveis pelo prazo de oito anos.

Os juízes do TRE-RN negaram provimento ao recurso impetrado pela prefeita e pelo vice-prefeito. O motivo da cassação é abuso de poder político e econômico, captação ilícita de sufrágio e conduta vedada a agente público.

Em seu voto, o relator, juiz Eduardo Guimarães, afirma que ficou evidenciada “a prática abusiva no contexto da campanha dos recorrentes, não merece retoque a conclusão obtida pelo Juiz da 33ª. Zona Eleitoral, ao reconhecer caracterizada a prática e a gravidade de diversos atos de abusos do poder político e econômico e aplicar aos recorrentes as penas previstas no artigo 22. Inciso XIV, da LC n.º 64/90, que se revelaram plenamente proporcionais à gravidade dos ilícitos perpetrados”.

A decisão será comunicada à Câmara Municipal para empossar o presidente da entidade, o que não será necessário, já que o vereador Francisco José da Silveira Júnior (PSD) já encontra-se no exercício do mandato, até que se ultimem os procedimentos para realização de novas eleições no município. (Com informações do TRE-RN).

Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *