Consumidores inadimplentes podem ter energia cortada a partir desta segunda-feira

Foram quatro meses em que a Aneel proibiu a interrupção do serviço (Foto: Reprodução)

Com o fim do prazo da medida que proibia o corte de energia para os consumidores inadimplentes, o fornecimento poderá ser cortado novamente, a partir desta segunda-feira, 3.

Foram quatro meses em que a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) proibiu a interrupção do serviço. No entanto, no último sábado, 1°, o prazo para isenção terminou. Como o fornecimento não pode ser interrompido nas sextas-feiras, sábados, domingos e feriados, os cortes só poderão ocorrer a partir desta segunda.

Para os usuários que desejarem regularizar a situação, a Aneel informou que poderá ser cobrada uma taxa de religação do fornecimento. Para as família de baixa renda, o serviço não será interrompido, mesmo sem o pagamento das pendências.

A proibição do corte do fornecimento de energia segue também para as residências com equipamentos elétricos essenciais à preservação da vida. Caso o usuário resida em uma região sem postos de arrecadação, como bancos e lotéricas, o fornecimento também será mantido, mesmo que ocorra inadimplência. O mesmo ocorre em locais onde a circulação de pessoas foi restringida pelo governo.

Algumas distribuidoras de energia optam por oferecer condições especiais para que os clientes arquem com as pendências, como o parcelamentos em até 12 vezes e desconto sobre o valor devido.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo está protegido !!