Comandante da PM de Areia Branca contará com reforço policial para assegurar a ordem e a tranquilidade durante o Carnaval deste ano

Capitão Andrelino monta esquema de segurança para o Carnaval

Um contingente formado pela Guarda Municipal, polícias Civil, Militar e Ambiental, além de seguranças contratados pela prefeitura vai garantir a tranquilidade dos foliões na cidade e nas praias, durante os dias de Carnaval no município, que começa nesta sexta-feira, 8.

O fator segurança durante o Carnaval de Areia Branca tem sido um diferencial ao longo dos anos, uma vez que a preocupação não é o aumento de ocorrências durante a festa mas, sim, assegurar que o município continue registrando índice zero de violência no decorrer de todo o reinado de Momo.

Para isso, o comandante da 3ª Companhia de Polícia Militar (3ª CPM) em Areia Branca, capitão Jailson Andrelino, afirmou terça-feira 5, durante entrevista à Rádio Costa Branca (FM 104,3), que foi solicitado um reforço policial de cerca de 60 homens para assegurar a ordem e a tranquilidade durante a folia de Momo.

Já a partir desta sexta-feira de Carnaval, quando o bloco Pererê abre oficialmente a folia em Areia Branca, o capitão Andelino disse que colocará nas ruas o contingente policial sob seu comando, garantindo que terá ainda o reforço de seis viaturas que estarão circulando na cidade e contará com o apoio da Polícia Ambiental.

O capitão Andrelino reforça que além dos policiais concentrados nos locais de movimentação dos foliões, será mantido o trabalho policial em todos os setores da cidade, com rondas permanentes e assegurando suporte ao trabalho da polícia nas comunidades rurais, com aumento do contingente naquelas localidades que concentram maior número de visitantes, como é o caso de Ponta do Mel, São Cristóvão, Baixa Grande, praia de Upanema, entre outras.

A autoridade policial alerta os proprietários de “paredões” de som que usem esse tipo de equipamento sonoro com prudência e respeito aos direitos do cidadão. “Se alguém está pensando em realizar qualquer tipo de evento de cunho carnavalesco usando “paredões” deve nos comunicar. E se o evento implicar no uso da BR-110, o fato deve ser comunicado à Polícia Rodoviária Federal”, alerta o capitão Andrelino.

A advertência com relação a BR-110 é que circulam rumores na cidade que um grupo de pessoas estaria organizando “arrastões” com “paredões” de som saindo da praia de Upanema para o centro da cidade. Um desses movimentos já seria realizado nesta quinta-feira, 7, saindo do Ginásio Poliesportivo Professora Rosário Cabral, após o encerramento do Campeonato de Blocos Carnavalescos de Futsal 2013.

Outro assunto abordado pelo capitão Andrelino, na sua entrevista à emissora de rádio local, foi sobre um encontro de “paredões” de som que estaria sendo programado para a praia de Upanema, durante o Carnaval. “Nossa preocupação é que a praia de Upanema é uma área totalmente habitada e não vemos local para realização de um evento como esse, sem incomodar quem reside naquele local. Portanto, aconselhamos aos organizadores que revejam essa questão do local, pois ali na praia não seria o mais adequado”, orienta.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *