Carreata e missa solene encerram festejos de Santo Antônio em Upanema do Farol

Iniciadas dia 31 passado, encerram nesta segunda-feira, 13, as festividades alusivas a Santo Antônio, padroeiro de Upanema do Farol. “À luz do testemunho de Santo Antônio buscaremos a profundidade da palavra”, é o tema geral da festa, que é uma tradição entre os católicos residentes naquela praia do litoral de Areia Branca.

Igreja de Santo Antônio, local das festividades religiosas

Hoje, Dia de Santo Antônio, a programação religiosa começa às 18h, com uma carreata saindo de Areia Branca. Às 19h, na Igreja de Santo Antônio, em Upanema de Cima, será celebrada a missa solene da festa, com animação das comunidades de Santo Antônio e Nossa Senhora de Fátima, sendo esta última, padroeira de Upanema de Cima.

Na parte social, durante todos os dias dos festejos funcionaram barracas com comidas típicas, sorteios, shows, quadrilhas juninas, pescaria e outras atividades festivas.

CASAMENTEIRO

Conhecido como santo casamenteiro, Santo Antônio tem milhares de devotos espalhados pelo Brasil e também em Portugal. Seu dia é comemorado em 13 de junho, em meio às festas juninas, por isso Antônio é um dos santos mais lembrados nessas festas.

santo-antonio Normalmente, sua figura é representada carregando o menino Jesus em seus braços. Muitas mocinhas afoitas para encontrar um marido retiram o bebê dos braços do santo e prometem devolvê-lo depois de alcançarem seu pedido.

Santo Antônio é a esperança das solteiras em busca de casamento

Outras jovens colocam a imagem de cabeça para baixo e dizem que só mudam de posição quando Santo Antônio descolar um marido para elas. Essas simpatias geralmente são feitas na madrugada do dia 13.

Mas nem só de casamento vive o santo. Ele também é conhecido por ajudar as pessoas a encontrarem objetos. Em uma reza conhecida como “os responsos”, o santo é invocado para achar coisas perdidas. Numa outra cerimônia, conhecida como trezena, os fiéis entoam cânticos, soltam fogos, e celebram comes e bebes e uma fogueira com o formato de um quadrado. Essa festança acontece de 1° a 13 de junho.

Ainda há outro costume que é muito praticado pela Igreja e pelos fiéis. Todo o dia 13 de junho, as igrejas distribuem aos pobres os famosos pãezinhos de Santo Antônio. A tradição diz que esse alimento deve ser guardado dentro de uma lata de mantimento, para a garantia de que não faltará comida durante todo o ano.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *