Candidato a prefeito de Grossos é substituído pelo irmão na antivéspera das eleições e campanha segue inalterada

95 GROSSOS“Mauricinho” com o irmão João Dehon e o candidato a vice, Martins Carlos

O comerciante Maurício Silva, conhecido por “Mauricinho”, é o novo candidato do PMDB à Prefeitura de Grossos. Ele teve seu nome confirmado no pleito nesta sexta-feira, 5, antivéspera das eleições municipais que ocorrem neste domingo, 7.

A candidatura de “Mauricinho” foi anunciada ontem, 4, à noite, depois que seu irmão e candidato a prefeito João Dehon da Silva (PMDB) teve o registro de sua candidatura negado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em Brasília (DF). Dehon, que já havia sido impugnado no Tribunal Regional Eleitoral (TRE/RN) tiunha recorrido à instância superior. Enquanto isso, vinha mantendo a sua campanha eleitoral sob liminar. Ontem, a sua coordenação de campanha foi oficializada da decisão em Brasília, inviabilizando o projeto de João Dehon retornar à prefeitura.

Embora confiasse que poderia obter êxito no TSE, João Dehon já vinha trabalhando o nome do seu irmão, “Mauricinho”, como seu eventual substituto. Mas a confirmação só ocorreu depois do candidato encomendar sondagens para consumo interno, sobre o que pensava o eleitor grossense em relação ao nome do comerciante.

E para surpresa do grupo, “Mauricinho” teve seu nome muito bem avaliado pelos eleitores, que consideraram a troca um fator positivo para a campanha que já vinha embalada.

No final da tarde de hoje, 5, o candidato João Dehon foi ao Cartório Eleitoral da 32ª Zona, em Areia Branca, para oficializar o pedido de renúncia da sua candidatura e homologar “Mauricnho” como o novo candidato do grupo. O candidato a vice-prefeito, Martins Carlos (PMN), também pediu renúncia da candidatura e automaticamente solicitou registro para continuar sendo companheiro de chapa de “Mauricunho”.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *