Areia Branca contará com mais um poço tubular, garante a Caern que já solicitou à prefeitura disponibilidade de terreno para início da perfuração

Caern OKÚnico poço tubular existente na zona urbana há mais de três décadas (Foto: Carlos Júnior / Site Voz de Areia Branca)

Prometido numa reunião realizada na sede da Petrobras, em Mossoró, em fevereiro de 2002, tudo indica que o projeto de instalação de um segundo poço tubular na zona urbana de Areia Branca vai sair da gaveta. Na quinta-feira, 8, o prefeito Manoel Cunha Neto, ‘Souza” (PP), foi ao rádio para anunciar que em reunião recente com a presidência da Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) houve garantia que o pleito reivindicado pelo município seria viabilizado.

Segundo o prefeito “Souza”, a Caern já solicitou à prefeitura a disponibilidade de um terreno medindo 50 por 50 metros, no perímetro urbano, para a instalação do maquinário para perfurar o novo poço. “Já estamos à procura de um terreno com as dimensões exigidas, pois existe a necessidade urgente de um segundo poço para ampliar o abastecimento na nossa cidade”, disse o gestor.

Em 2002, quando houve a mobilização pela instalação de mais um poço na cidade, o prefeito era o atual vice, Bruno Filho (PMDB), ao passo que “Souza”, era vice naquela época. Um aliado forte na luta foi o então presidente da Câmara Municipal, vereador Cleodon Bezerra (PMDB).

Enquanto o Executivo tratava da viabilização do novo poço, o então vereador Cleodon Bezerra buscava resolver o problema do abastecimento urbano, que igualmente agora, se agravava a cada dia que passava, em virtude da deficiência do único poço existente na cidade.

E como hoje, 10 anos atrás a Caern local enfrentava os mesmos problemas causados pelos constantes defeitos na bomba no poço.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *