Produção de mudas dobra e plantas da Ufersa começam a arborizar municípios do RN

Nos últimos 12 meses foram cerca de 8.600 mudas produzidas na Ufersa (Foto Setor de Mudas)

Depois de um ano de mudanças e de modernização, o setor de mudas da Universidade Federal Rural do Semi-Árido (Ufersa) conseguiu dar um salto na sua produção, aumentando em 100% o número de plantas. Nos últimos 12 meses foram cerca de 8.600 mudas produzidas e destinadas para projetos de pesquisa, ensino e extensão e de arborização. Dessas mudas, 75% foram de plantas nativas e 25% de frutíferas.

Com a produção em alta, a Ufersa iniciou um grande projeto de arborização dentro dos seus quatro campi, começando pela sede, em Mossoró. Setores como a Residência Feminina e o Bloco de Professores do Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS), no Lado Oeste, já receberam mudas e todo um acompanhamento para que essas novas plantas cresçam e ofereçam um conforto térmico para alunos e servidores.

Segundo o responsável pelo setor de mudas, o servidor Giorgio Mendes, que é da área da Agronomia, todas as novas mudas foram plantadas na Ufersa em locais seguros, longe de fios e tubos e com um sistema de irrigação para garantir o crescimento adequado das plantas. Em alguns locais, o trabalho já começou a dar resultados, sendo possível observar o verde predominando e áreas de sombra surgindo.

Entrada do setor de mudas da Ufersa. O local foi recuperado e modernizado (Foto Giorgio Mendes)

Na Residência Feminina, além do projeto de arborização, que está em execução, existe também uma proposta de paisagismo com a ornamentação de plantas ao redor do prédio. A ideia é que a temperatura no interior das acomodações fique bem mais amena à medida que as árvores externas cresçam e comecem a oferecer sombra às paredes externas.

Com o sucesso das mudas, a Ufersa já criou uma comissão de arborização com o intuito de normatizar o plantio dentro da própria Universidade. Trechos como a entrada da guarita do Lado Leste em Mossoró deve ganhar em breve uma ornamentação, que segundo Giorgio, é para fazer jus ao semiárido.

Além da Universidade, o setor começou a destinar mudas para prefeituras do RN. Uma parceria recente firmada nesse sentido foi com a Prefeitura de Natal, que recebeu 2.155 mudas da Ufersa. As plantas fazem parte de um grande projeto de arborização que está sendo executado pelo município. As mudas foram cedidas por meio de um termo de doação com contrapartida para a Universidade, que ganhou materiais como carro de mão, tesoura de poda, trado mecânico, tela de sombrite de 80%, arame liso, enxada e 6 mil sacos para mudas.

“Todo esse material vai garantir o funcionamento pleno do nosso setor pelos próximos dois anos. Em termos financeiros, isso equivale a cerca de R$ 8.620,00 de materiais, o que significa que cada muda saiu por cerca de R$ 4,00 para a capital potiguar”, explicou Giorgio.

Berçário de mudas da Ufersa. A produção em alta garante plantas para a Universidade e para municípios do RN (Foto Giorgio Mendes)

Em Mossoró, já existe uma parceria com o setor de mudas em execução. Outros municípios, como Grossos e Assú, também já demonstraram interesse em adquirir mudas da Ufersa. Atualmente, a Universidade é um dos maiores campos de produção de mudas do interior do RN. “São 67 espécies de plantas que a Ufersa produz atualmente. Entre elas, têm as nativas como a caraibeira, ipê, mofumbo, moringa, aroeira, juazeiro e sabiá. Tem também as plantas frutíferas como a acerola, goiaba, amora, graviola, manga, tamarindo e mamão”, destacou Giorgio.

O desenvolvimento das plantas é acompanhado de perto por pesquisadores da área das ciências agrárias, que também realizam experimentos no setor de mudas. No local já foram criados um mini pomar e uma mini horta. Tudo com insumos próprios da Instituição.

Paisagismo no setor de mudas da Ufersa (Foto Giorgio Mendes)

Hoje, o setor é autossuficiente na produção de composto orgânico, gerando adubo para as mudas e todos os demais experimentos. E a expectativa é que isso aumente com o início das atividades da Usina de Compostagem da Ufersa, que será uma das maiores do estado.

Responsabilidade Social

Além de todo o trabalho destacado, o setor de mudas da Ufersa mantém um projeto de arborização de terrenos baldios em Mossoró como forma de responsabilidade social e ambiente. Áreas que antes abrigavam entulhos e lixo estão recebendo as mudas da Universidade. É uma ação de extensão que visa deixar Mossoró mais arborizada.

Viveiros de mudas (Foto Setor de Mudas)
Print Friendly, PDF & Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *