Ex-presidente Lula não poderá votar nas eleições deste ano, confirma defesa do petista

Ex-presidente Lula está preso desce o mês de abril (Foto: Edilson Dantas / Agência O Globo)

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) não poderá votar nas eleições deste ano. A informação é de Valeska Teixeira Zanin Martins, sua advogada e que está em Genebra para promover seu caso diante da imprensa estrangeira e em eventos. Um pedido havia sido formulado pela defesa do ex-presidente. Mas, segundo ela, o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) o negou. O argumento era de que precisariam existir 20 solicitações da mesma natureza por pessoas detidas na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba para justificar a organização de uma espécie de sessão eleitoral.

Esse patamar, porém, não foi atingido. Cristiano Zanin Martins, também advogado de Lula, argumentou que, quando não existe o patamar mínimo de pessoas solicitando votar, o TRE teria a “obrigação” de levar Lula a votar no dia das eleições 2018. “Ele não pode ser eleito e agora não pode votar”, disse Zanin, que não descarta apresentar um recurso. (Com informações Estadão Conteúdo).

Print Friendly

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *