Vereadora pretende ampliar discussão sobre temas importantes, como o autismo

Rebeca Melo desenvolve importante trabalho em defesa das pessoas autistas (Foto: Reprodução)

Enquanto aguarda o fim do recesso parlamentar e início do calendário ordinário de 2019, na Câmara Municipal de Areia Branca, a vereadora Rebeca Melo (Podemos) está se debruçando sobre temas importantes que pretende levar ao plenário para uma ampla discussão com os demais pares da edilidade.

Empenhada em defender a causa das pessoas com Transtorno Espectro Autista (TEA), Rebeca Melo pretende promover debates com foco na temática, com objetivo foi analisar e refletir sobre as providências que vêm sendo tomadas para tornar a sociedade mais inclusiva.

A vereadora afirma que essas pessoas carecem de atenção especial por conta da precariedade e ineficiência dos serviços oferecidos pelos órgãos públicos. “Com relação a legislação, eu mesma sou autora de lei já aprovada na Câmara, que beneficia essas pessoas”, ressalta, acrescentando que é preciso conscientizar a população sobre a importância de saber identificar e respeitar essas pessoas.

“Nós não podemos mais fechar os olhos para esta causa. Chegou a hora de encontrarmos maneiras de ultrapassar as barreiras que impedem a inclusão dos autistas na nossa sociedade”, conclama Rebeca Melo.

Atendimento prioritário

A vereadora Rebeca Melo adianta que vai retomar a luta pela regulamentação, pelo Executivo, da Lei Municipal nº 1.332/2018 aprovada na Câmara de Areia Branca, que institui o símbolo internacional do Transtorno do Espectro Autista (TEA) nas placas de atendimento prioritário dos estabelecimentos públicos e privados da cidade.

A proposta da vereadora institui no âmbito do município, de forma oficial, o atendimento prioritário para as pessoas diagnosticadas com autismo em locais como bancos, farmácias, supermercados e restaurantes, assim como acontece com idosos, gestantes, pessoas com deficiência e mobilidade reduzida.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *