TJ nega recurso e governo não vai poder sacar dinheiro do Funfirn para pagar servidores

Robinson Faria contava com a liberação para colocar salários em dia (Foto: Thyago Macedo/G1)

O Tribunal de Justiça (TJ) negou o mandado de segurança impetrado pelo Governo do Estado, solicitando a retirada de R$ 300 milhões do Fundo Financeiro do Rio Grande do Norte (Funfirn). A decisão saiu na quarta-feira, 21, e é da desembargadora Judite Nunes.

Em entrevista à Inter TV Cabugi na manhã de quarta, o governador Robinson Faria (PSD) garantiu que colocaria em dia os salários dos servidores em dois meses. Para isso, o chefe do Executivo estava contando com uma decisão favorável do TJ, para conseguir usar o dinheiro do Funfirn. O que não aconteceu. Porém o Governo ainda pode entrar com um agravo interno e encaminhar o processo ao Pleno do Tribunal de Justiça.

Print Friendly

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *